Tradutor / Translate

terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

Tecnologia em Florianópolis: setor fatura R$ 4,3 bi e emprega mais de 17 mil

Um setor que emprega mais de 17 mil pessoas, fatura cerca de R$ 4,3 bilhões por ano e que apresenta os maiores índices de crescimento na comparação com outras regiões do país. Estes são alguns números que mostram o desenvolvimento do setor de tecnologia na Grande Florianópolis, que se consolidou nos últimos anos como a principal atividade econômica da região.


Segundo o estudo Acate Tech Report 2015, divulgado pela Acate (Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia) em conjunto com a Neoway, a Grande Florianópolis concentra 37% das 2.900 empresas de TI do Estado - à frente do Vale do Itajaí (28%) e do Norte catarinense (19%).
 Na comparação com outros 12 polos nacionais, a capital catarinense foi a que mais se desenvolveu no setor de tecnologia em 2015: 6,9% de crescimento naquele ano, enquanto o Brasil andou de lado, com uma leve queda de 0,1%. Ao considerar o faturamento médio, o polo de Florianópolis é o terceiro maior do Brasil, com R$ 4,7 milhões por empresa. Nesse quesito, a capital catarinense perde apenas para os polos tecnológicos de Campinas (SP) e Rio de Janeiro.
Outro dado do Tech Report mostra como a sociedade local já respira tecnologia: a cada 100 mil habitantes, 2.900 atuam em empresas de TI, a maior densidade do país - Manaus, a segunda colocada, tem uma proporção de 2.000 trabalhadores no setor a cada 100 mil habitantes.
"Temos um forte e diferenciado ecossistema de inovação e nosso sonho grande é, num período de 10 a 15 anos, tornar o setor de tecnologia a maior indústria do estado", aponta Daniel Leipnitz, presidente da Acate.
O otimismo se deve não somente ao número de novas empresas que surgem e crescem, gerando empregos e atraindo talentos à Capital, mas também em função de um ecossistema de apoio a novos empreendedores. São programas de capacitação, aceleradoras, incubadoras, rede de investidores anjo e fundos de capital de risco que formam um ciclo completo de desenvolvimento para quem pensa em criar sua própria startup.
A maioria das empresas de tecnologia estão concentradas no Norte da ilha, região autossuficiente e em alto desenvolvimento.
Os players do ecossistema de tecnologia e inovação em Florianópolis:
Programas de capacitação:
Sinapse da Inovação
StartupSC
Incubadoras:
MIDI Tecnológico
Celta
Aceleradoras:
Inove Senior
Link Lab ACATE;
Darwin Starter
Programas de acesso a capital, gestoras e fundos de investimento:
Rede de Investidores Anjo de Santa Catarina;
BRDE Inova;
Bzplan;
Cventures;
Criatec.
Centros de Inovação e Parques Tecnológicos:
ParqTec Alfa;
Centro de Inovação ACATE/Primavera;
Sapiens Parque;
Fonte: ndonline.com.br

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Encantos do norte de Florianópolis

              Florianópolis é frequentemente mencionada como uma das melhores cidades do Brasil para se viver. As belezas naturais, as alternativas em entretenimento, gastronomia e lazer, os incentivos de inovação e os polos universitários colaboram para a elevação da qualidade de vida e do desenvolvimento de seus habitantes.
Uma cidade de distintas características e paisagens, com estrutura influenciada pelas particularidades de cada região. Na parte Norte, o relevo pouco acidentado e a extensa procura pelas praias de mar calmo levou à ampla e diversificada estruturação dos bairros aqui localizados.
Basta um giro pelos bairros da região para perceber suas semelhanças e o padrão de vida encontrado entre as rodovias, ruas e avenidas que dão vida à zona norte da Ilha. Desde às margens de Santo Antônio de Lisboa, passando pelos atrativos mais badalados de Jurerê e Canasvieiras, a predominância residencial da Cachoeira e de Ponta das Canas às bem frequentadas praias dos Ingleses e Brava.
Uma zona que se adapta e interage com as necessidades de seu moradores e visitantes, oferecendo-lhes o conforto e a acolhida típica dos nativos da Ilha, encantando a todos que por aqui passam, na busca de um ambiente igualmente tranquilo e utilitário, onde se está próximo do mar, das pessoas e das necessidades do cotidiano.
Autossuficiente em boa parcela de suas atribuições, tem-se de tudo por perto. Nos dias de trabalho: os escritórios, o comércio e as vias de deslocamento. Nos momentos de folga: o mar, a vida noturna e as inúmeras opções gastronômicas.

Conhecendo e desfrutando de todos os seus atrativos, o Norte da Ilha de Florianópolis revela sua primordial característica: uma região de moradia tranquila, bem equipada e diversificada. Para quem é do mar, da cidade, do descanso e do agito: tem de tudo em um lugar só.